Barista Avançado - Manutenção de Máquinas (online)

Carga horária: 1:30 hora

Princípios físicos da extração do espresso nas máquinas profissionais. O curso apresenta de forma simples e visual o funcionamento do equipamento de espresso passando pelos componentes, controles, os ajustes possíveis e as interferências provocadas na bebida, os cuidados e manutenção diária, interface de uso nos equipamentos modernos e, a importância do moinho, os tipos de laminas e os ajustes de moagem e o resultado na bebida.

Público alvo: Baristas, coffee lovers e profissionais do café

Pré requisitos: Não há pré requisitos

Programação:

1. História (5min)
a. Invenção da extração do café sob pressão
b. Evolução dos controles independentes de temperatura e pressão
2. Características (5min)
a. Pressão de extração
b. Temperatura de extração
c. Vazão – volume de água por tempo
d. Fluxo – volume de água por área
3. Princípios funcionais – material visual para os alunos interagirem com a
tecnologia e seu funcionamento (30min)
a. Componentes principais
i. Filtro
ii. Bomba
iii. Caldeira/resistência
iv. Manometros
v. Grupo de infusão
vi. Sistema hidráulico
vii. Registro de água quente
viii. Registro de vapor
b. Automatização
i. Válvulas de fluxo elétricas
ii. Válvula de alívio
iii. Válvula de segurança
iv. Válvula anti-retorno
v. Válvula de expansão
c. Sensores
i. Pressostato
ii. Termostato / NTC
iii. Sondas, sensores e relê de nível
iv. Contador volumétrico
d. Acessórios
i. Aquecedor de xícarasii. Cestos opcionais para volumes variados
iii. Filtro de água
4. Como gerir esses parâmetros na operação? (10min)
a. Estabilidade de funcionamento (constante em condições de operação
ideal)
b. Ausência de contaminação do sabor e aroma por resíduos do próprio
café (cuidado operacional diário) – o que fazer.
5. Interface de uso (20min)
a. Máquina semi-automáticas
b. Máquinas automáticas
c. Ajuste de temperatura e resultados na bebida
d. Ajuste de pressão, controle de pressão de infusão e resultados na bebida
e. Ajuste de fluxo: troca dos giglês / controle de fluxo (dalla corte? E
resultados na bebida
f. Interface Homem Máquina nos equipamentos digitais
i. Dados de utilização e limpeza
ii. Procedimentos automáticos de limpeza
iii. Ajuste funcionais
6. Moinhos (20min)
a. Discos
b. Dosagem
c. Relação granulometria x gramatura nos moinhos on demand
d. Manutenção diária
Observação: com esse tempo reduzido, partimos do pressuposto que a interferência dos ajustes do moinho na qualidade da bebida já é conhecimento pretérito dos participantes. Focando então nas características de fabricação, ajustes e cuidados diários.

Número máximo de participantes: 10

Investimento: R$ 350

Instrutor: Daniel Coli - Sócio da Oficina do Espresso, empresa com 20 anos de mercado, cujo DNA é o serviço em máquinas de café, vendas e manutenção. Técnico dos campeonatos brasileiros de barismo. Responsável comercial e especialista nos equipamentos e os resultados sensoriais que os seus parâmetros de ajuste e desempenho técnico (engenharia de fabricação e concepção de funcionamento) podem oferecer.


DATAS DISPONÍVEIS:

JANEIRO / 2021 30 - 09:00 às 10:30